Dr. Google: como lidar?

Com toda certeza você já ouviu falar no Dr. Google, a forma mais democrática de acesso à informação atualmente. No entanto, que tipo de informação nossa população está acessando e como lidar com esta situação sendo médico? 

Os questionamentos em relação a saúde são tão recorrentes (1 em cada 20 pesquisas no Brasil buscam informações de doenças e sintomas) que o Google passou a verificar as informações que destaca, em parceria com os médicos do Hospital Albert Einstein. Esse tipo de pesquisa pode provocar pânico desnecessário, mascarar algum problema mais grave e até mesmo gerar automedicação.  

E você médico, como lidar com isso tudo? 

Esteja preparado 

Você já sabia que isso poderia acontecer, não é mesmo? Alguns pacientes levam até relatórios impressos com possíveis diagnósticos que encontrou na internet, desta forma, esteja preparado para esse tipo de situação. Tente explicar para seu paciente a credibilidade das informações encontradas e concilie suas opiniões. 

Muitas vezes estas informações proporcionam segurança no consciente do paciente e ele se sente mais à vontade ao tratar do assunto com você. Então tente lidar com isso de forma positiva e que possa agregar ao seu trabalho.  

Seja claro 

Explique tudo que você puder ao seu paciente, seja detalhista e forma objetiva. Não o prive de informações porque isso é uma quebra de confiança e debata os pontos que ele questionar, explicando seu diagnóstico e/ou os exames solicitados. Fique atento a sua linguagem, neste momento é fundamental que o paciente compreenda tudo que está sendo falado. 

Além disso, você precisa esclarecer os riscos que a internet proporciona no diagnóstico e tratamento de uma doença e reforçar a importância de consultar um médico para efetividade das informações. 

Transmita confiança  

Esta questão está diretamente relacionada a anterior, quando você é claro, transmite segurança a seu paciente, gerando confiança. Outros fatores também corroboram com este fato, como o ambiente em si, sua postura e a empatia que você demonstra. 

Temos algumas dicas aqui que podem te ajudar!

Tenha paciência 

Sim, eu seu que é difícil e que você não quer ninguém te ensinando sobre sua profissão, mas seus pacientes não tem culpa de tantas informações disponíveis e se ele está precisando de sua assistência, significa que está em um momento de insegurança e vulnerabilidade.  

Cabe a você compreender e lidar com a situação e aprimorar sua paciência!  

Gere conteúdo de qualidade 

Uma opção que corrobora com a enxurrada de informação disponível é gerar conteúdo de qualidade, ou seja, quando seus pacientes realizarem pesquisas eles terão disponíveis informações seguras e desconfiança. 

O Dr. Google é uma realidade que, feliz ou infelizmente, não vai mudar. Vale a pena se estressar?

Deixe uma resposta